4 de fev de 2015

Decida ter um dia feliz e contagie as pessoas


Cheguei a assustadora conclusão de que eu sou o elemento decisivo. É a minha maneira de me aproximar das pessoas que cria a atmosfera. É o meu estado de espírito de cada dia que define o clima. Detenho um tremendo poder de transformar a vida em alegria ou sofrimento. Posso ser instrumento de tortura ou inspiração, posso humilhar ou divertir, ferir ou curar. Em todas as situações, é a minha resposta que define se uma crise vai sere agravada ou esvaziada.
Johann Wolfgang Goethe 

Essa frase tem muito a ver com o meu momento, como eu encarei o câncer e o tratamento.
Como eu não sou o tipo que fica lamentando, chorando as pitangas, tem gente que nem acredita que eu tenho uma doença  incurável. Uma doença que limita minha vida em muitas coisas, mas nem por isso eu deixo de  ir a luta.

Eu não sou a pessoa mais infeliz ou feliz do mundo, mas eu tento ser feliz com as limitações que a doença e o tratamento impuseram para mim.

Eu continuo escrevendo minha tese de doutorado. Isso me anima, me gratifica profissionalmente. Quero concluir isto mesmo que  em passos de tartaruga.
Eu e minhas irmãs

Gosto de encontrar as amigas, conversar sobre a vida, rir e trocar ideias. Mas não gosto de encontrar gente baixo astral, negativa e que não reconhece o lado bom da vida.

Descobri que eu sou a pessoa quem mais me ama e por isso eu cuido de mim mesma com muito amor e carinho.
Um exemplo disso é a forma como eu cuido  da minha alimentação.
Faço questão de aliar o prazer do bem comer com alimentos saudáveis que vão alimentar meu corpo e nutrir a minha alma. Isso é muito importante para o meu bem estar.

Eu tento cuidar do corpo também,  no momento não está dando para praticar atividade física, mas quando é possível, gosto de caminhar no bairro.
Tenho praticado Qigong quase todos os dias. Isso me ajuda muito e me dá mais energia.

Tem dias que gosto de me vestir bem,  quero me sentir bonita, então escolho aquela roupa afetiva que eu acho que fica bem.

Nem todo dia é assim, tem dias que estou um bagaço emocionalmente, tenho dores físicas, mas eu tento melhorar isso, seja com terapia, medicação ou qualquer coisa que me faz feliz.

Assim é a minha vida.
Eu posso me entregar a dor irreparável de ter descoberto o câncer de ovário aos 41 anos de idade e me afundar no mar de tristeza sem fim, mas eu também posso me entregar  à vida!
Agradeço por cada dia de sobrevivência desse mal nefasto e procuro encontrar alegria nas coisas simples e até as mais complicadas que a vida me oferece. Porque viver é bom demais!

Agradeço pela família que tenho. Pelo amor incondicional da família e do marido, que está todos os dias do meu lado. As amigas e amigos que sempre me surpreedem e me enchem de amor e carinho. Isso me faz tão feliz e amada.
Mas eu também tenho problemas e preocupações, e não são poucas.
Mesmo assim eu tenho esse poder de decidir como será o meu dia, se alegre ou triste, doce ou azedo, amargo ou picante. Se eu vou contagiar alguém com minha alegria de viver ou não.

Acredito que o importante é se entregar ao prazer de viver um dia de cada vez.

8 Comente aqui:

Maysa disse...

Lindo texto! E tens toda razao.. Somos nos que decidimos oq nos aflinge ou nao entao o melhor a fazer é se amar e se permitir ser feliz e afastar de nos pessoas chatas e amargas.

Flavio Valente disse...

Mei amor, sinto-me privilegiado por ter te encontrado e poder te ter ao meu lado nos últimos 14 anos. Aprendi muito com tua paz, tua determinação e com tua alegria. Tu és minha vida, meu porto e estou felicíssimo de poder estar vivendo intensamente cada dia. Te amo

Elaine Pasquim disse...

Orgulho!!! Linda mensagem! Devemos sempre tentar fazer nossa parte! Orgulho da minha amiga querida! Bjs

HelianaBastos disse...

Nossa que lindo texto. Eh uma grande lição de vida. Abraço da amiga distante. Bjos

Anônimo disse...

Fiquei muito emocionada, Ro.
Sou muito feliz com nossa amizade virtual e muito real.
Beijos e um abraço apertado,
Claudia

Anônimo disse...

Amiga você é um ser iluminado. Que sua luz ajude as pessoas negativas que você encontra pelo seu caminho. Parabéns por escolher viver, mulher sábia. Sou sua fã! Tenho orgulho de você. Sônia

sandra torres disse...

"o importante é se entregar ao prazer de viver um dia de cada vez." É isso que você escreveu que deve ser feito todos os dias, isso está sendo um aprendizado, uma lição a ser aprendida, eu agradeço sua amizade de longos anos que me fez ser parte da família e ser sua companheira nessa batalha. Vamos em frente!!!

Selma Lima disse...

As meninas Viana e os seus sorrisos iguais...e lindos!