25/08/2014

Museu do Chocolate em Paris

O Museu do Chocolate em Paris está localizado na Grand Boulervard na Monmartre.
O ingresso custa 9,50 euros e se quiser fazer uma degustação de chocolate paga se mais 3 euros. 

É um museu pequeno e conta a história do chocolate. Com informações em francês, inglês e espanhol.
Fala se sobre o cacau, os maias, inças e astecas e a invasão espanhola na América Central e México.

Na entrada, próximo a um cacaueiro havia um cupuaçu. Mas só falava que era da Amazônia e parente do cacau. 

Tem louças lindas, tanto as de cerâmicas quanto as de cristais.
Mas infelizmente não fiz fotos, a bateria do celular estava indo ao farelo.

Depois teve uma curta demonstração de como se faz chocolate ao leite.
E no final, ainda fiz uma fotinha de rosto com o corpo de chocolate!

Vale a pena!

A delicadeza e suavidade de sabores, impagáveis

Chocolate da casa e miniaturas de doces franceses: eclair de chocolate, eclair de baunilha, torta de framboesa e torta de limão!
Este outro pratinho são com miniaturas de tortas de morango, tangerina, mousse de chocolate e carolina!

Simplesmente uma maravilha das deusas!
E este foi o pedido do maridinho com uma taça de bordeaux!
Tudo isso foi em uma casa de chá super charmosa em Paris!

18/08/2014

Banheiros na Alemanha, Áustria e Brasil

Vocês sabem, gosto de tirar fotos.
E agora até em banheiro público ou privado ando observando.
Por aqui, em Heidelberg e em Berlim, esses banheiros me chamaram a atenção.
No banheiro de um café, havia um pelo potinho cheio de absorvente interno. E também um aviso para não desperdiçar água.

Em Berlim, em um Centro de Convenções havia dentro da cabine um cinzeiro. As pessoas fumavam muito por aqui, mas parece que isso tem diminuído.
E no hall, havia cadeiras redondas que me lembraram barbearia, mas acho que era para fumantes apreciarem o cigarro.


Em Viena tem banheiro que toca ópera.

Em Brasília, a porta de identificação do banheiro feminino, era a Maria Bonita.
Achei as pias chiquérrimas.

16/08/2014

Sexta teve quimo e foi delicioso!

Ontem inciei um novo ciclo de quimioterapia. Este ano já é o 5º tipo de quimo que inicio.
Vamos torcer para que ele funcione bem.
Fui para Quimiolândia cheia de esperança e alto astral.Pintei as unhas de vermelho, no estilo ¨francesinha invertida¨, gosto de cores vivas, vermelho, rubi, vinho...
Tomei um suco para combater anemia e aumentar o sistema imune, uma criação la nutriane.
Levei um livro para ler, pois a enfermeira me falou que iria passar a manhã toda lá.E no celular, entre horas de pausa do livro, fiquei escutando Marcelo Janeci e Mallu Magalhães.

Acho que isso ajudou muito e foi tudo tranquilo.
De tarde, em casa, lanchei abacate amassado com leite pó, mel orgânico, chia e muita tapioca, adoro!

Deu para perceber que meu apetite é bom né?!

12/08/2014

A amizade entre mulheres

Gostei tanto deste texto, peguei nos meus arquivos e desconheço a autoria...
Eu tenho certeza que pelo menos um tipo de amiga como essas você tem, quer ver? Leia até o fim...

Há quem diga que mulheres, quando são amigas, ficam insuportáveis...
...Porque concordam sempre uma com a    outra e não se  desgrudam.
Porque concordam sempre uma com a outra e não se  desgrudam.

A vida nos apresenta milhares de pessoas.  E cada uma delas vem cumprir um papel em nossa vida.
Todas elas ficam na nossa memória, nos nossos hábitos, nas nossas fotos, nos nossos guardados...

Eu tenho saudade de todas as amigas que já tive na vida.
Tem as amigas da família, as primas, irmãs e tias, que sempre estão indo e vindo da sua vida, provando que o tempo passa, mas certas coisas nunca mudam.

Aquela amiga desbocada que só fala palavrão e se mete em encrenca, mas faz você rir muito.
Tem aquela com quem você anda de braços dados pra todo canto. Aquela pra quem você contou sobre o primeiro garoto que você gostou. Aquela que te dá toques sobre roupas, pessoas, corte de cabelo e comportamento.

Tem aquela outra que é chorona, aquela que critica você a cada cinco minutos, aquela "Nerd" e "CDF"que sabe de tudo, e aquela melosa, que gosta de abraçar e mandar recadinhos de amor.

E aquela com quem você dividiu a cama naquela viagem que você tava dura.
Aquela pra quem você conta absolutamente tudo, e que você sente que foi entendida.
Aquela que te dá broncas e manda você parar de roer as unhas.
Aquela que não tem vergonha de dizer que te ama.

Aquela que apresenta os melhores caras.
Aquela que passa com você o momento mais difícil da sua vida. Aquela que te liga todo dia.

Aquela intelectual, que te ensina milhares de coisas. 

Aquela que abraçou em  silêncio e sentiu você chorar,
e aquela que virou as costas quando você mais precisou.

07/08/2014

Na quimo com Anitta

Geralmente, eu tenho escolhido músicas dos anos 80 para animar minha quimo, desta vez resolvi mudar, escolhi um funk, escolhi Anitta.
Foi quase um acaso, pois minha cunhada já havia me falado desta música há umas semanas.
Porque fazer quimo toda semana, não é para qualquer pessoa, só para quem é poderosa!
Mas pávula não!!

Show das Poderosas

Prepara, que agora é a hora
Do show das poderosas
Que descem e rebolam
Afrontam as fogosas
Só as que incomodam
Expulsam as invejosas
Que ficam de cara quando toca
Prepara
Se não tá mais à vontade, sai por onde entrei
Quando começo a dançar, eu te enlouqueço, eu sei
Meu exército é pesado, e a gente tem poder
Ameaça coisas do tipo: Você!
Vai!
Solta o som, que é pra me ver dançando
Até você vai ficar babando
Para o baile pra me ver dançando
Chama atenção à toa
Perde a linha, fica louca


04/08/2014

Hoje é segunda

"Toda segunda tem alguém que parou de beber,
tem alguém que parou de fumar,
tem alguém começando uma dieta. 
Toda segunda,em um prato, em uma cozinha,
tem um resto de bolo de chocolate...
Toda segunda é meio lembrança,
meio começo, meio cansaço, meio maçante,
meio preguiça, meio esperança. 
Toda segunda tem alguma coisa ruim,
alguma coisa boa,
e uma péssima fama"

Adriana Falcão

31/07/2014

A quimo não dói bebê!

Tem gente que me pergunta:
- Como é a quimo?
- Dói?
Eu sempre respondo, baseada na minha experiência:
- é tranquila e não dói. Porém tem várias coisas que acontecem antes, durante e depois que pode doer, incomodar, te deixar mais vulnerável física e emocionalmente.
Cada pessoa reage diferente a cada tipo de quimo, vou tentar explicar o que acontece comigo.

Voltei a receber quimo desde o final de janeiro deste ano. Em junho comecei a receber quimo toda semana.
Sempre recebi a quimo por infusão na veia, mas as pobrezinhas começaram a enfraquecer e rejeitar a infusão. Então em maio de 2013 eu decidi colocar um cateter intravenoso, o que facilitou muito minha vida. Eu recomendo a qualquer pessoa que for fazer quimo, colocar um cateter.
Uma vez, me furaram 9 vezes para poder pegar uma veia. Foi traumatizante!

Por isso que eu digo, a quimo em sim não dói, pois e apenas uma infusão, ou forma de pílula, mas o processo antes e depois....
Tem gente que tem enjoo durante, mas eu sempre recebi medicamentos contra enjoos antes da quimo.
Em 2012, eu passava o dia inteiro na clínica. Já expliquei como era minha rotina naquela época neste post.

Este ano mudei de clínica e de médico, a minha rotina mudou um pouquinho também.


O que acontece é: eu chego na clínica, espero ser chamada pela enfermeira, depois ela faz as perguntas triviais, coleta sangue, verifica se estou apta para receber a quimo, se sim, vou para a sala da quimioterapia, sento, recebo os medicamentos contra enjôos, e depois a quimo. Geralmente eu fico de 3 a 4 horas na clínica.
Acho o procedimento rápido e sem dor.

Mas eu já li por aí que no Brasil as pessoas recebem um medicamento para dormir antes da quimo. Alguém sabe por que?
Deve ter uma razão.