31 de ago de 2010

31 de agosto dia da(o) Nutricionista

Eu podia escrever muitas coisas nesse dia, mas eu ainda não me refiz da viagem do Brasil.
A minha caixa de emails tem mais de 500. Ontem, Flavio e eu organizamos as coisas aqui em casa. Flavio ainda está de férias. Mas amanhã voltamos para o batente, e minhas pavulagens ficaräo escassas.
Mas como hoje é meu dia, pois não sei se você sabe, sou nutricionista, eu gostaria de saber algumas coisas das pessoas que passam por aqui.
Será que dá para responder?

Você já foi aconselhada(o) por um(a) Nutricionista?
Valeu a pena?
Você gosta quando escrevo sobre comidas?
Gostaria que eu escrevesse mais sobre isso?

Se não quiser responder não tem problema também.
Feliz dia d@ Nutricionista!!!

30 de ago de 2010

De volta ao Reino das Brotolândia

Chegamos no sábado bem no finalzinho da tarde.
A viagem foi longa e cansativa.
Ainda estou sofrendo com o jetleg e com a diferença de temperatura.
Ainda nem passei as fotos para o computador, mas estou louca para compartilhar com vocês sobre esta viagem, que por sinal foi maravilhosa.
Querendo saber novidades é só dar uma espiadela no meu twitter aí na direita. De vez em quando apareço lá.

23 de ago de 2010

Notícias cheias de pavulagens

Estou em Belém.
Mas antes passei por Sampa e Brasília.
Essa viagem tem sido maravilhosa.
Em São Paulo, Flavio e eu revemos parte da família e a nossa sobrinha-neta que nasceu recentemente.
Também re-encontrei amigas, uma eu não via há 10 anos e outra que eu não via há 30 anos.
Em Sampa, fomos ao Mercado Municipal para comer pastel de bacalhau e o famoso sanduiche de mortadela.
Fomos conhecer o Pirajá, bar com comidinhas de boteco, dica do Milton Toshiba.

Em Brasília, também encontramos uma parte da família. Logo que chegamos lá, meu enteado nos levou para almoçar no Mangai, filial do restaurante de João Pessoa.
Nós também encontramos noss@s amig@s de BSB, participamos de um evento sobre o Direito Humano à Alimentação, promovido pelo CONSEA.
Aproveitamos para matar a saudade de Brasília e comemos muita comida de boteco no Armazém do Ferreiro e no Boteco, filial do bar-restaurante em Recife.

Em Belém, onde também mora parte da minha família, estou matando as saudades da família e dessa terra que eu amo.
Claro que já tomei açaí, tacacá, creme de cupuaçú, picolé de tapioca, comi peixe, pato, vatapá e muito mamão.
Para experimentar comida de boteco paraense fomos na Portinha, que merece um post a parte.

Por enquanto é isso, aguardem com paciência as fotos. Agora vou curtir a minha sobrinha, que é a criança mais linda e amada de todos os reinos e ilhargas.

14 de ago de 2010

Curtindo o findi com música paraense

Belém, Belém - Mahrco Monteiro

Belém, Belém, Belém, será que tá tudo bem?
Belém, Belém, Belém, será que tá...
tudo bem, tudo bem?

A música na praça, o boi fazendo graça
é Ronaldo e seus meninos ensinando a nação
que o futuro tá no centro da cultura,
da cultura popular.

E taca carimbó de Pinduca, de Lucindo,
Cupijó, Verequete, Pavulagem dos meninos,
Eduardo, Taynara e Cavalero
vão tocar no Preamar, Preamar.

Belém, Belém, Belém, será que tá tudo bem?
Belém, Belém, Belém, será que tá...
tudo bem, tudo bem?

O couro treme a terra de Fabico, de Setenta,
Malhadinho do Bandeira, "seu" Rufino, "seu" Joaquim,
Laurentina muito linda quando canta
dá vontade de chorar.

O grande capitão nos "boca de ferro"
da Pedreira, Marambaia, Terra Firme, Sacramenta,
Marituba, Ananindeua, Icoaraci,
do Benguí pro Guamá.

Belém, Belém, Belém, será que tá tudo bem?
Belém, Belém, Belém, será que tá...
tudo bem, tudo bem?

6 de ago de 2010

Rumo a terra brasilis

Sim, estou indo para o Brasil. Decisão tomada de última hora.
Estou na maior ansiedade. Nesse período vou parar em três cidades. Vou re-encontrar amig@s, colocar papos em dia, trabalhar um pouquinho, comer coisas da terrinha e muito mais.

Conforme acesso e vontade, aparecerei por aqui para contar as novidades.

4 de ago de 2010

Frutas que eu amo


Mamão
Eu gosto de comer assim, puro ou com granola e leite, ou ainda com iogurte natural e mel.


Abacate
Gosto de comer com tomate e cebola, tipo "guacamole", batido com leite, mas minha receita preferida é amassada com leite, açúcar e farinha.


Manga
Gosto de comê-la verde, madura, batida com leite, ou  batida apenas com água, também gosto de "mango lassi" (iogurte natural batido com manga). Ultimamente, a moda tem sido maioneses de batata com manga e camarão. Uma delícia.

2 de ago de 2010

Fim de festa

Encontro divertido
Copo quebrado
Prato vazio
Amizade guarantida