31 de jul de 2009

E haja criatividade

Essa é do tempo da crise nos aeroportos e na época a Ministra Marta Suplicy falou que o negócio era "relaxar e gozar"...
Eu lembro muito bem do sufoco que foi essa crise às vésperas do natal.


28 de jul de 2009

O pretinho básico

Fazia tempo que eu não comia um feijãozinho daqueles...assim bem caseiro.
E há tempos, eu andava na maior vontade de comer feijão.
Mas faz tempo, bastante tempo, que eu tirei férias da cozinha, quero dizer de coisas que requerem um certo trabalho no fogão...ultimamente tenho comido muito congelado ou outras besteiras que arrepiariam vocês com certeza :0

Mas hoje, eu pensei, "vou ligar aquele botãozinho e ativar minhas prendas domésticas na cozinha".

No inicio foi díficil, eu queimei o alho, ficou pretinho, mas a preguiça era tanta que pensei "mas se vou cozinhar feijão preto no alho queimado, então tudo bem"...
Joguei tudo na panela do alho queimado: feijão, cebola, CHARQUE cortado em pedacinhos (para render) e cominho.
Depois de tudo, deu aquele medo, "e se ficar com gosto de queimado?" Hum, agora já era...

Pois não é que o meu pretinho ficou bom?!!! Uma delícia e não tinha gosto de queimado :)

Para completar fiz aquela farofinha....encontrei farinha de mandioca proveniente da Africa em uma loja asiática, que eu chamo de paraíso gastronômico, até xicória eu já encontrei lá.

Ah antes que eu esqueça, o toque final do feijão foi o cheiro-verde do Japão, também comprado no meu paraíso.

27 de jul de 2009

Em defesa da Lei Maria da Penha!

A Lei Maria da Penha - Lei 11.340/2006 é considerada pelos movimentos de mulheres um marco na proteção aos Direitos Humanos das Mulheres, num país onde seguem alarmantes os índices de violência doméstica, grande parte deles culminando em homicídios de mulheres pelos seus parceiros.

Apesar de confrontar-se com esta triste realidade, a justiça criminal brasileira vem ignorando e distorcendo o texto expresso na legislação ao exigir a representação da vítima em processos judiciais onde estão expressas as violações aos direitos à privacidade e à integridade das vítimas, dentre outros direitos, em um gesto de tolerância aos crimes de violência doméstica e uma enorme resistência na aplicação da Lei que visa combater o machismo da sociedade brasileira.

Portanto, a Articulação de Mulheres Brasileiras convoca a população a assinar a Carta Aberta dirigida aos Ministros do STF, cujo texto consta neste link:
http://gopetition.com/petitions/em-defesa-da-lei-maria-da-penha.html
Ou aqui:
Online petition - Em defesa da Lei Maria da Penha!

25 de jul de 2009

Reportagem sobre a vida de imigrantes na Alemanha

Se você está pensando em vir morar na Alemanha, isso aqui talvez te interesse. Se isso não passa pela sua cabeça, mas se você conhece alguém que está pensando nisso, por favor repasse essa informação.

Prezados amigos (as) e sócios(as) da Imbradiva,

para uma reportagem sobre novos imigrantes na Alemanha, um jornalista nos pediu que recrutássemos pessoas interessadas em participar de um documentário na TV, que deve comecar a ser filmado daqui a uns meses.

O tema da serie de reportagens é "novos migrantes na Alemanha". O brasileiro ou a familia a ser entrevistada deve morar ainda no Brasil, nao ter estado na Alemanha por muito tempo, e, nos próximos meses, ter planos concretos de imigrar. O jornalista e sua equipe irao ao Brasil para acompanhar sua vida por lá antes da imigracao. Algum tempo mais tarde, após a chegada na Alemanha, a mesma equipe acompanhará o imigrante brasileiro para relatar suas dificuldades, as diferencas que o imigrante ve entre a Alemanha e o Brasil, enfim as condicoes de vida atuais que a Alemanha oferece a esse imigrante.

Voces conhecem algum brasileiro que se proporia a participar deste projeto e que estaria nessas condicoes?

Se sim, por favor, entre em contato com a Imbradiva.

Atenciosamente,

Adriana Leal
Imbradiva e. V.
--
Imbradiva e.V. Adalbertstr. 36 A 60486 Frankfurt am Main
E-Mail: mail@imbradiva.org Internet: www.imbradiva.org

24 de jul de 2009

Criatividade brasileira

Como já diziam há muito e muito tempo..."a propaganda é a alma do negócio"
Propaganda de um motel em alguma cidade brasileira.O povo brasileiro é muito criativo, adoro isso!!!

Pergunta que não quer calar ainda:
Você acredita em alimentos afrodisíacos???
Me diz tua opinião, vai...

17 de jul de 2009

Fuleira e Fajuta

Você sabe o que é isso?

Não é nenhuma dupla de cantores...:)
Eu não sei se são palavras do código familiar ou da minha região.

Mas é uma expressão que uso algumas vezes, por exemplo:

Este ano o verão está fuleira/fajuta aqui em Heidelberg.
Eu tô fajuta na blogosfera.
Esse bolo tá fajuta.

Entendeu?
É algo como se fosse fraco ou sem graça ou devagar.

5 MINUTOS DEPOIS
Digitei as palavras no google e parece que tem outra conotação...mas eu ainda fico com a minha!!!

15 de jul de 2009

Campanha pelo direito à alimentação na constituição

Participação de algumas celebridades em prol da campanha

E você vai participar também?
Se quer saber mais, é só visitar o link abaixo
http://www4.planalto.gov.br/consea/pec-alimentacao/abaixo-assinado

13 de jul de 2009

A grande festa de Heidelberg

É a simulação de incêndio no famoso Castelo de Heidelberg.
Na verdade é um show de pirotecnia, mas a cidade fica no maior agito.
Isso acontece no segundo sábado do mês de julho.
Eu já falei sobre isso aqui (em 2007) e aqui (em 2008).
Em 2009, em pleno verão europeu, mas com um frio danado (15 graus), eu fiquei em casa, tomando vinho, comendo queijinho, com beijinho e debaixo do cobertor com o maridinho...e sem pirotecnia, tem coisa melhor?

8 de jul de 2009

O viagra brasileiro em Barcelona...

Se para o povo nortista do Brasil o açaí é o nosso petróleo, em Barcelona é tido como o viagra brasileiro.

Um dia estávamos passeando pelas ruas de Barcelona e tava um calor danado, aí resolvemos tomar um sorvete na primeira sorveteria que vimos pela frente.
Quando eu vi que tinha da açaí, pedi uma pitadinha para provar. Claro, como imaginava, passou longe da água de lavar a cuia, alvará do petróleo!!!!
De repente me deparei com esse cartaz e não resistir e fiz essa foto.

Aproveitando para fazer uma perguntinha básica, você acredita em alimentos afrodisíacos?