22 de fev de 2014

Amor , Amizade e Solidariedade

Eu não virei política,
Eu não não ganhei na mega sena,.
Eu não nasci rica, não sou rica, e nem famosa.
As pessoas não precisam me bajular pelos motivos acima.

Eu tenho câncer de ovário e faço tratamento contra este mal nefasto, que eu chamo de meu inimigo, carcará, sanguinolento, depende do meu humor.
O câncer não foi um presente na minha vida, mas o que veio em consequência foi um maravilhoso presente.

Recebo quase que diariamente mensagens de carinho, força e fé da família, amigas (os). conhecidas (os) e até desconhecidas (os).
Essas palavras são doses diárias de alegria, força e esperança. E me animam muito.

A luta não tem sido fácil, mas sigo adiante com toda a energia e força vindo da solidariedade e do amor das pessoas para comigo.
Sou eternamente grata a todas as pessoas,  que não querem nada em troca, mas são solidárias comigo.

Penso que as pessoas deveriam mostrar seu amor mais vezes, não só comigo, mas para com as pessoas também. Todos os dias e a qualquer momento.
É muito bom se sentir amada, querida enquanto estamos vivas.

Como cantou Renato Russo:
É preciso amar as pessoas
Como se não houvese amanhã
Porque se você parar para pensar,
Na verdade não há
Façamos isso mais vezes!

5 Comente aqui:

Nora disse...

Querida, mandarei beijinhos mais vez es. Penso sempre em vc!😘😘😘

Unknown disse...

Como é bom amar as pessoas se não houvesse amanhã!
Roseane você mora no meu coração.
Clarice.

Unknown disse...

Como é bom amar as pessoas se não houvesse amanhã!
Roseane você mora no meu coração.
Clarice.

Rosângela da Luz Matos disse...

Viva a sensibilidade e delicadeza
que, em alguns momentos da vida, nos inunda generosamente.
Curta este banho de amor, vida vinda de outras sensibilidades.
Terás muito tempo para retribuir...caberá a você distribuir margaridas nos tempos próximos.
Saúde e boas celebrações por aí.
Nós seguimos aqui querendo sua presença na terrinha do sol.
Rô e Sinval

webeatriz disse...

Nossa Roseane, que bela coincidência esse teu post. Pois hoje (22fev) eu acordei pensando em você, me cobrando, pois acho que nunca te deixei uma msg de apoio, e fiquei buscando em minha memória uma música pra te sugerir, nessa tua cantoria pela vida com saúde. Vc. sempre tão positiva , que eu até esqueço que vc. tem esse carcará te apertando o calcanhar.

E como você já disse em alguma ocasião, talvez o grande aprendizado dessa luta , seja esse consciência de que a vida , com ou sem carcará, deve ser vivida carpem die.
Muita energia pra você guerreirinha.

"... geleiras se derretem, o céu e os afluentes ai estão, ficando a perguntar, se a vida é para sempre" (Romântico ambiente - Carlinhos Brow)