26 de ago de 2013

Aveiro, sua linda, eu gostei de ti!


Aveiro é uma cidade pequena, em torno de 73 mil habitantes, com muitas coisas para fazer e ver. O clima é muito agradável. Viemos no verão, mas senti um certo friozinho, especialmente pela manhã e a noite. Acho que isso foi devido ao vento, pois a temperatura chegou aos 30 graus.

Para quem gosta de Mercado Público, existem pelo menos dois, na cidade velha e no centro. O da cidade velha, vende peixes e mariscos. O do  centro, foi reformado, é espaçoso, e tem de tudo um pouco, como frutas e vegetais, carnes, peixes artesanato, e sorveteria. Eu sempre comprava frutas lá.


Para quem quer fazer compras, há um shopping center que é bem bonitinho. É um espaço aberto com muitas lojas de roupas, livros, telefones e celulares, super mercado, uma ampla e variada praça da alimentação, que inclui um restaurante brasileiro.

Há um cinema com 7 salas. Os filmes exibidos são novos e não são dublados. Fui ao cinema 5 vezes. O cinema garante acesso para portador@s de necessidades especiais, com lugares para cadeirantes.
No alto do shopping tem um jardim de oliveiras. É um lugar muito agradável para sentar, ler, namorar ou simplesmente não fazer nada.

Além do shopping center, é possível fazer compras no centro. Há muitas lojas, e para todos os gostos e estilos.

O artesanato é vendido nas lojas e feiras em parques. Os mais típicos são: toalhas de mesa, de mãos e panos de prato bordados ou pintados são baratos e bonitos. O galo é a marca de Portugal, vi em várias cidades. Acho bonito.
Há muitas igrejas, igrejas antigas, algumas mais modernas, um passeio que vale a pena para católic@s e não católic@s. Se estiver calor, entrar na igreja é mais refrescantes, ao contrário também vale, pois no inverno, dentro é mais quentinho. Sem contar na arte, um passeio em uma igreja pode ser muito educativo e cultural, há obras em madeira, pinturas, vitrais e azulejos belíssimos.

Aveiro é conhecida como a Veneza Portuguesa, pois é  cortada por um canal, tem várias pontes, e gôndolas que nos convidam para um passeio coletivo pelos canais.
A gastronomia é imperdível, boa e barata. Ovos moles são os doces mais famosos de Aveiro.
Por toda Aveiro, há muitos cafés, mas aqui é chamado de Pastelaria. Nas pastelarias é possível comprar tortas, doces e salgados. E é claro, sentar,  tomar um café e comer alguma delícia portuguesa. Mas se queres comprar pão, vá na Padaria.
Há muitos restaurantes com comida típica, geralmente pescados e  bacalhau. As porções são bem
grandes, pelos menos nos lugares que fui. A comida não é cara, e o atendimento é muito bom. Garçons (não fui atendida por garçonete) são alegres e simpáticos, gostam de conversar, perguntam de onde somos (Brasil?! Ah o Brasil...), dão opinião e explicam o cardápio. É muito legal.
Também há os Museus, mas eu só fui no Museu de Aveiro. Este museu foi um convento dominicano e também conhecido por Museu da Princesa Santa Joana. Além de contar toda a história da princesa que virou santa, tem um acervo religioso da época barroca e rococó, e um pouco de arte moderna. A entrada é barata e a visita foi muito interessante.

Uma coisa legal para quem sabe e gosta de andar de bicicleta e sair pedalando por aí, em Aveiro é possível fazer isto de graça. Tem uma Buga, lugar onde pode se emprestar uma bicicleta, no centro,  entre o Mercado Público e o Shopping. Basta deixar um documento de identificação e escolher uma bike e sair pedalando pelas ruas de Aveiro. Mas não esqueça de voltar para deixar  devolver a bicicleta.

Aveiro, sua linda, eu gostei de ti!

1 Comente aqui:

Rosângela da Luz Matos disse...

Adoro doces com ovos moles e os pastéis, suas massas, seus folhados.
Passeio bom.
Em breve vou fazê-lo.