25 de out de 2012

Não ao Etnocídio dos Guarani Kaiowás

Um movimento em favor dos Guarani-Kaiowás tem acontecido em vários lugares e também nas redes sociais.
Eu também apóio a causa e decidi escrever um pouco sobre isso aqui.

Para entender melhor, sugiro a leitura da Carta da comunidade Guarani-Kaiowá de Pyelito Kue/Mbarakay-Iguatemi-MS para o Governo e Justiça do Brasil

Nós (50 homens, 50 mulheres e 70 crianças) comunidades Guarani-Kaiowá originárias de tekoha Pyelito kue/Mbrakay, viemos através desta carta apresentar a nossa situação histórica e decisão definitiva diante de da ordem de despacho expressado pela Justiça Federal de Navirai-MS, conforme o processo nº 0000032-87.2012.4.03.6006, do dia 29 de setembro de 2012. Recebemos a informação de que nossa comunidade logo será atacada, violentada e expulsa da margem do rio pela própria Justiça Federal, de Navirai-MS.

Leia  a carta na íntegra aqui


A situação de violência contra os povos indígenas não é de hoje, e a cada dia a situação piora.
FIAN já fez uma petição online em 2008 a favor dos Guaranis, mas parece que a situação vem piorando.

Recentemente foram criadas duas petições que você pode assinar, quantas mais gente assinar melhor. Não custa tentar, né?


Uma petição é coordenada pelo CIMI e Juizes para a Democracia, com a campanha ¨Eu apóio a causa indígena¨
Você pode assinar a petição aqui: http://www.causaindigena.org/index.php

A outra petição online está hospedada no síte AVAAZ, com a campanha Salvemos os índios Guarani Kaiowá - URGENTE, que você pode assinar no link abaixo:
http://www.avaaz.org/po/petition/Salvemos_os_indios_GuaraniKaiowa_URGENTE/

2 Comente aqui:

Anônimo disse...

Já assinei a peticao da AVAAZ, Ro.

Beijos,
Claudia

Fernanda disse...

Também apoio a causa, Rô, e divulguei no meu blog.
É o mínimo que posso fazer... É tão triste e trágico.

Beijinhos