17 de fev de 2015

Há 3 anos sobrevivendo ao câncer de ovário

Há três anos, eu acordei após uma cirurgia que durou mais de cinco horas,  e fui diagnosticada com
câncer de ovário.

Eu quase não acreditei, mas era a minha nova realidade.
Tive que aceitar e readequar a uma nova vida. Eu também tinha uma colostomia para enfrentar.

Eu tinha muitos planos para o primeiro semestre de 2012.
Eu estava com passagem comprada para o Brasil na semana seguinte a cirurgia.

Lá, eu ficaria por três para concluir a segunda etapa da minha pesquisa de campo.
Eu passaria o aniversário de 70 anos da minha mãe, tínhamos planejado uma grande festa para ela.
Eu estava organizando um workshop em um congresso internacional de nutrição.
E também apresentaria no mesmo congresso alguns resultados preliminares da minha pesquisa do doutorado.

Tudo isso teve que ser extirpado junto com o câncer naquele ano.
Doeu muito, mas não tinha outra coisa a fazer, e hoje eu vejo como uma oportunidade para a vida, para uma reflexão sobre tudo isso e como a saúde e o instante da vida são frágeis.

Ainda continuo na luta contra esse mal nefasto e silencioso que foi se apoderando do meu corpo...
Mas estou viva, sobrevivendo...

Vivo a cada instante, tento se plena em cada minuto, choro, rio... e assim sou eu, assim vou eu levando a vida.

Todas as figuras que eu uso quando escrevo sobre minha luta contra o câncer de ovário são da obra de Henry Matisse, elas me representam muito.

Aqui neste link, eu já escrevi sobre o câncer de ovário, como foi descoberto.
E aqui neste link, eu escrevi sobre a minha colostomia.

12 Comente aqui:

Anônimo disse...

você é uma guerreira! exemplo de superação, vida que segue!


Sônia

Rosivone disse...

sombras
derrubam
sombras
quando a treva
está madura

sombras
o vento leva
sombra
nenhuma
dura

Paulo Leminski

Michelle Siqueira disse...

Força para seguir adiante, Roseane! Todos que passam por aqui deixam um pouquinho de si para você, dedicam uns minutos de reflexão e pensamentos positivos para te ajudar de alguma forma.

Um grande abraço,

MIchelle

Ana Marcia disse...

Vc é guerreira!!! Torço muito por vc Ro!!!


Ana Marcia disse...

Vc é guerreira! Torço muito por vc Ro! ♡

Rosângela da Luz Matos disse...

Ró querida
Queremos vc bem viva para espalhar hiatorias, receitas e muita vida neste mundo. Bjd Rô

Celia disse...

Vc ganha essa parada. Bj

sandra torres disse...

Exemplo de perseverança, quem já te conhecia antes, sabe que vc já era dessa maneira, agora está bem mais, e é assim mesmo que tem que ser, não deixar a bola murchar, vamos em frente que iremos vencer.

Selma Lima disse...

Sandra falou algo muito verdadeiro. Quem te conhece há muito tempo já sabe o seu jeito Ane! Mas mesmo diante de uma situação que vc e nem ninguém gostaria de estar vivendo, continua nos surpreendendo a cada dia. Esta é guerra que vc já venceu!

promissaoIDE disse...

"A guerreira é forjada é na guerra". Parabéns guerreira! Olhando sempre pra frente e pro alto

Elaine Pasquim disse...

Lindo texto, Rô. Vc é um exemplo de como viver a vida, q não é feita apenas de risos, mas de instantes. Bjinhos

Creuza Miranda disse...

Tenho certeza que vc tirou muitos aprendizados diante de tudo se fortalece a cada dia.