25 de nov de 2008

O tomate, voilá

O tomate cientificamente falando é um fruto, mas é popularmente conhecido e utilizado como legume.
Os tomates são denominados de acordo com o seu formato, por exemplo:

- Santa Cruz, é de formato oblongo;

- Caqui e ou saladete, formato redondo;



- Italiano, formato oblongo e alongado;



- Cereja, é um míni-tomate reondo ou ablongo.


Para mim, todos são deliciosos! Todos os tipo são muito utilizados em saladas e o italiano é considerado ideal para fazer o molho de tomate.

Valor Nutricional
O tomate é muito bom e saudável:
- tem baixa concentração de sódio, contém pouquíssima gordura saturada e colesterol.
- boa fonte de vitamina A, C, E, K, B6, tiamina, niacina, folato, magnésio, fósforo, potássio e fibras.
Como tudo na vida, é preciso evitar exageros, especialmente para quem tem diabetes, pois o tomate tem alta quantidade de acúcar.
O tomate é rico em licopeno. O licopeno é uma substância que confere a cor vermelha ao tomate e possui ação antioxidade.
O efeito antioxidante do licopeneno reduz a presença de radicais livre, protegendo as células de oxidação. Estudos demonstram que alimentos que contém licopeno, como o tomate (goiaba, melância, e outros) reduzem o risco de câncer intestinal, estomacal, da bexiga, do colo uterino, da pele, dos pulmões e principalmente de doenças cardiovasculares e do câncer de próstata.
Então que tal avermelhar seu prato?

1 Comente aqui:

Alexandra disse...

Eu sempre aguardo ansiosamente a temporada dos tomates locais aqui em Toronto (que eh somente em Agosto). No final do verao, acabo comendo tomates todos os dias, inclusive no cafe da manha!

No inverno, apesar de produzirem tomates em estufa por aqui, eu apelo mais para os tomates secos e os molhos. Esse ano comprei 16 vidros de molho de tomate feito por uma fazendeira italiana da regiao para consumir durante o inverno. Hmmm, o gostinho do tomate fresco do verao eh bom demais.