16 de dez de 2008

O tomate esteve presente

No livro Afrodite, de Isabel Allende:
TOMATE – Originário da América, deveria estar catalogado entre as frutas. Os espanhóis levavam-no à Europa com o nome de “maçã peruana” e”maçã do amor”. Sua polpa vermelha, suculenta e sensual causou escândalo; confiava-se tanto em seu poder estimulante que pagavam-se fortunas por um tomate. As mulheres virtuosas rejeitavam-no, ao contrário das outras, que podiam jogar a culpa dos seus pecadinhos no irresistível tomate.

Na obra de Picasso

Na obra de Van Gogh
Na sétima arte:
Na sensível história do filme Tomates verdes fritos
E no curta brasileiro, um filme que provoca muitas reflexões
Deve ter mais coisa por aí, se alguém souber me avisa que eu acrescento, ok?

0 Comente aqui: