1 de abr de 2008

Um pouco de Manila-Filipinas

Março terminou e eu nem falei da minha viagem para Manila nas Filipinas.
Eu quero deixar registrado minhas impressões, caso alguém queira saber.

Eu fiquei 6 dias em Manila, acho que vi apenas um pouco..., mas foi uma boa experiência.

Manila é enorme, lembra São Paulo. @s filipenses, sempre se referem para a cidade como A Grande Manila, pois engloba Manila (a capital) e outras cidades coladas uma na outra.

O trânsito é caótico. Sempre congestionado. Há muita poluição visual (outdoors, cartazes...) nas principais vias.

Eu fiquei em um hotel próximo da casa do Big Brother. Isso é uma febre no mundo!

As pessoas são muito acolhedoras. Acho que 95% falam inglês e a maioria da população é católica.
Eu sempre via imagem de santos nas portas das casas, das lojas, dos restaurantes e até em cima de uma árvore.

Filipinas está exportando gente para trabalhar em outros paises. 8 milhões de pessoa são exportadas e isso gera renda para o país.
Existe muita pobreza lá, muita desigualdade social.
O contrato de trabalho no setor privado é de no máximo 5 meses. A mão de obra é muito barata.
A política é um cargo familiar, isto é, ocupar um cargo político é coisa de família.

Lá tem muitos shopping center, e @s filipin@s adoram passear lá.
Vão sempre de carro, de jipe ou moto para qualquer lugar. Raramente andam a pé ou de bicicleta.

A admiração pelo lado ocidental do mundo é vísivel, a cidade é cheia de Starbucks. Fiquei impressionada com isso.

E o modo de vida oriental ainda é cultivado. Nos bares e restaurantes eles servem cerveja com gelo e nunca põem faca à mesa.

Algumas fotos, de Manila, de um lugar que esqueci o nome, mas que tem um vulcão, do Oceanárium....
Nesse lugar onde tem o vulcão, almoçamos em um Restaurante que fica no alto da serra, a paisagem me lembrou muito o Rio de Janeiro.

Manila-Filipinas

0 Comente aqui: